O Circuito Maior Idade alia entretenimento com qualidade de vida

0
419
grupo estudando um texto teatral, parte da oficina cultural.
Grupo estudando um texto teatral, parte da oficina cultural.

O Brasil está envelhecendo. Segundo a projeção do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as pessoas com mais de 65 anos serão mais de um quarto da população em 2060, em relatório divulgado em agosto passado. Com 200 milhões de pessoas, o País tem atualmente 7,4% de pessoas idosas.

Com o aumento da expectativa de vida, atingindo 71,2 anos para homens e 78,5 para mulheres em 2013 (também projeção do IBGE), um grupo de cerca de 15 milhões de idosos precisam de mais atividades complementares e ações que visem sanar suas necessidades (esportivas, culturais e cognitivas).

Com este propósito surgiu o Circuito Maior Idade, em São Paulo, uma iniciativa que visa agrupar toda a experiência da Via Gutenberg em programas de promoção de cultura e saúde para um público segmentado e exigente. Buscando a viabilização da saúde integral* utilizando, como instrumento atividades que permitam ao público contato com artes cênicas, artes plásticas, dança e cinema, além de focar a inserção sociocultural do idoso, por meio de ações que complementem a programação de entidades que já atuam neste área.

A programação do Circuito Maior Idade acontece desde 2006 na Cinemateca Brasileira, na Vila Clementino, em São Paulo, com atividades gratuitas físicas, cognitivas e culturais, sempre as quarta-feiras e sextas-feiras, no período da manhã. Além dessa, existe o Cine Maior Idade (CMI), que tem como foco a inserção sociocultural do idoso utilizando como instrumento a linguagem cinematográfica. Previamente foi organizada a Dança na Maior Idade e Viver com + Arte.

Equipe

As atividades físicas ficam a cargo da professora Larissa Matheus (8º semestre do curso de Ciências da Atividade Física pela Universidade de São Paulo – USP e Monitora do Programa de Atividades Físicas para Idosos com Doença de Alzheimer no Hospital Dia Geriátrico do Instituto Psiquiátrico – IPq), as cognitivas são ministradas em parcerias acadêmicas com Unifesp e Associação Brasileira de Gerontologia, por profissionais como a gerontóloga Eva Bettine (Pesquisadora em Ritmos Biológicos em Idosos, no Grupo de Multidisciplinar de Desenvolvimento e Ritmos Biológicos da EACH/USP, Pós-graduanda em Reabilitação Neuropsicológica pelo HC-FMUSP, Vice-Presidente da Associação Brasileira de Gerontologia, gestão 2011-2013; 2013-2015) e Gabriela de Carvalho (Bacharela em Gerontologia pela Universidade de São Paulo e Diretora Científica da Associação Brasileira de Gerontologia – gestão 2013/2015). As culturais, ponto alto da programação, ficam a cargo parceiros
especializados no desenvolvimento de workshops para maiores de 60, como o Gerson Fontes e Luiz Anastácio.

Desde o ano passado, a parceria com o Programa Viva Plentamente da Plenitude, o Circuito Maior Idade expande suas atividades para diferentes regiões da cidade, além da Vila Clementino, Zona Sul. Espetáculos teatrais, workshops e ‘ações performáticas’ serão realizadas pela consagrada Companhia Cênica Nau de Ícaros, que nasceu em 1992 e tem sua produção focada mistura entre teatro, dança, circo, música e performance. O próximo espetáculo, intitulado “Menor que o Mundo” será montado no Teatro Anhembi Morumbi, na Mooca, em São Paulo. A programação desenvolve-se de 22 de outubro a 16 de novembro, para depois ganhar o interior do Estado.

* Saúde integral: “Saúde é o estado de completo bem estar físico, psíquico e social, não apenas a ausência de enfermidades”, conforme a definição da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Circuito Maior Idade

É um programa de circulação de cultura que alia entretenimento com a promoção de saúde integral, ao oferecer espetáculos para a fascinação dos olhos e corações, conjugados com oficinas culturais que permitam ao público o contato com atividades físicas e cognitivas. O Programa é fruto de diversas parcerias com PUC, USP e mais recentemente com o Núcleo de envelhecimento da Unifesp. Recentemente a experiência da Via Gutenberg no desenvolvimento de plataformas socioculturais em prol da saúde e envelhecimento ativo foram destacadas como melhores práticas em publicação. As iniciativas da Via Gutenberg foram citadas no livro “Velhice: Experiências e desafios nas políticas do envelhecimento ativo”, segundo volume destinado ao Envelhecimento editado pelo Instituto de Saúde, da Secretaria Estadual de Saúde, no livro “Velhice: Experiências e desafios nas políticas do envelhecimento ativo”.
https://www.facebook.com/CircuitoMaiorIdade

Via Gutenberg

Negócio social e consultoria, implementa na prática conceitos de desenvolvimento sustentável na agenda corporativa, por meio de formação de profissionais, construção de estratégias e diálogos corporativos com a sociedade. Com 10 anos de atuação e uma rede de mais de 140 profissionais conectados em rede, a empresa desenvolve de plataformas e empreendimentos sociais voltados para temáticas essenciais para o desenvolvimento do país como Educação, Longevidade, Desenvolvimento Local e Protagonismo cívico.
http://www.viagutenberg.com.br/

Cia Cênica Nau de Ícaros

Desde 1992, criam e produzem espetáculos que unem o conhecimento e a prática das técnicas circenses ao trabalho com teatro e dança. Em um mergulho cultural, com um trabalho baseado em pesquisas dos diversos aspectos da cultura popular e contemporânea, resultando, até hoje, 16 espetáculos criados e produzidos no Brasil e apresentados também no exterior. A companhia é formada pelos artistas Álvaro Barcellos, Beatriz Evrard, Celso Reeks, Erica Rodrigues, Letícia Doretto e Marco Vettore.
http://www.naudeicaros.com.br/

Serviço

Atividades Físicas

Com o passar do tempo, é comum as pessoas deixarem de se exercitarem por falta de motivação ou por medo de que o corpo não dê mais conta do recado. Atividades adequadas para pessoas com mais de 60 anos serão orientadas por profissional especializado.

Datas em outubro: 02, 04, 09, 11,16, 18, 23, 25 e 30 (toda quarta-feira e sexta-feira)

Horário: 9:30 às 11:00

Local: Cinemateca Brasileira

Inscrições: No local. GRATUITAS. Vagas limitadas a 60 pessoas.

Oficinas e exercícios cognitivos

Manter a cabeça ativa e o cérebro afiado, este é o objetivo das ofcinas e exercícios para memória, atenção, linguagem, raciocínio lógico e visão espacial.

Datas em outubro: 02, 09, 16, 23 e 30 (toda quarta-feira)

Horário: 9:30 às 11:00

Local: Cinemateca Brasileira

Inscrições: No local. GRATUITAS. Vagas limitadas a 60 pessoas.

Oficinas Culturais

Teatro
Oficina de teatro com base na cultura popular brasileira. Trabalhar movimento, memória, literatura e artes cênicas através de textos consagrados e adaptados. Diversão garantida para todo o semestre.

Dança

Oficina de dança brasileira, com ritmos e movimentos populares e tradicionais.

Datas em outubro: 04, 11, 18 e 25 (toda sexta-feira)

Horário: 9:30 às 11:00

Local: Cinemateca Brasileira

Inscrições: No local. GRATUITAS. Vagas limitadas a 30 pessoas.

Créditos: Edson Kumasaka / Divulgação