Você realmente sabe o que é Depressão?

0
245

O que é Depressão?

A depressão é um distúrbio emocional que altera o funcionamento neurológico, pois reduz a produção de neurotransmissores importantes para a sensação de alegria, satisfação e bem-estar.

Trata-se de um diagnóstico complexo que exige o acompanhamento de um psicólogo e do psiquiatra, além de variar em seu grau de intensidade.

Todas as pessoas, homens e mulheres, de qualquer faixa etária, podem ser atingidas, porém mulheres são duas vezes mais afetadas que os homens.

Em crianças e idosos a doença tem características particulares, sendo a sua ocorrência em ambos os grupos também frequente.

 Causas:

Varia em cada paciente, pois tudo dependerá de como este se sente, lida e interpreta as diferentes situações em sua vida.

Veja também: Depressão pode ser confundida com Alzheimer

A depressão é uma doença. Há uma série de evidências que mostram alterações químicas no cérebro do indivíduo deprimido, principalmente com relação aos neurotransmissores, conforme citado acima (serotonina, noradrenalina e, em menor proporção, dopamina), substâncias que transmitem impulsos nervosos entre as células.

 Sintomas principais da Depressão:

– Irritabilidade, ansiedade e angústia;

– Desânimo e cansaço frequente;

– Diminuição ou incapacidade de sentir alegria/vontade e prazer em atividades anteriormente consideradas agradáveis;

– Indiferença em relação às pessoas e situações cotidianas;

– Desesperança e desamparo;

– Pessimismo, ideias frequentes e desproporcionais de culpa e baixa autoestima;

– Sensação de falta de sentido na vida, inutilidade;

– Sintomas suicidas;

– Dificuldade de concentração, raciocínio mais lento e esquecimentos;

– Diminuição do desempenho sexual e da libido

Pode ser que você também se interesse por: Depressão em idosos requer cuidados

Tratamento:

O tratamento da depressão é, essencialmente, uma combinação entre a psicoterapia e os medicamentos.

A Bem Viver + oferece o diagnóstico, tratamento e acompanhamento terapêutico do paciente com depressão.

É fundamental ter assiduidade no tratamento e também contar com o apoio de amigos e familiares, pois trata-se de um momento bastante delicado da vida dessa pessoa.

 Perguntas & Curiosidades: 

· Depressão é hereditária?

Estudos mostram que filhos de pais depressivos têm 75% mais predisposição para sofrer com a doença, especialmente se passar por algum trauma.

· Como anda a depressão pelo mundo?

A prevalência (número de casos numa população) da depressão é estimada em 19%, o que significa que aproximadamente uma em cada cinco pessoas no mundo apresenta o problema em algum momento da vida.

·  O que diferencia a depressão da tristeza?

A tristeza é provocada por um fator pontual que acontece na vida da pessoa, tende a melhorar com o tempo e não compromete as atividades diárias. Já a depressão provoca sentimentos desagradáveis por vários dias e costuma piorar com o passar do tempo, mesmo que aconteçam coisas boas na vida da pessoa, prejudicando a vida social e profissional do paciente.

· Por que a depressão é tão confundida com outros distúrbios, como a bipolaridade?

Porque essas doenças podem apresentar os mesmos sintomas. No caso da bipolaridade, por exemplo, existem momentos em que o paciente passa por uma fase depressiva, apresentando um quadro similar ao de quem tem depressão. Por essa razão, uma avaliação de um especialista é imprescindível. De acordo com a presidente da Associação Brasileira de Transtorno Bipolar, entre 30 e 60% dos diagnósticos de depressão escondem um caso de bipolaridade.

·  Existe cura para a depressão?

Sim. Com a ajuda de acompanhamento psicológico e medicamentos a doença pode ser controlada e até mesmo curada.

·  Remédios são sempre necessários?

Existe uma série de evidências científicas que apontam que a depressão é provocada por alterações químicas no cérebro do indivíduo. Por isso, na maioria dos casos são utilizados medicamentos que possam equilibrá-las. Mas eles nem sempre são necessários, cabe ao psiquiatra fazer uma avaliação do quadro e do impacto da depressão nas atividades diárias do paciente e determinar se há a necessidade de um medicamento, qual é a substância indicada e em qual dosagem.

·   Por que terapia funciona?

Porque é um espaço em que o paciente busca o autoconhecimento, organiza seus pensamentos e sentimentos e reflete sobre eles. O profissional, por sua vez, dá apoio ao indivíduo, o auxilia a ver e lidar de forma diferente com os acontecimentos, ajudando-o a enxergá-los de maneira mais clara, o que dá mais segurança para enfrentar o cotidiano.

·  A depressão pode ser evitada?

A doença não pode ser evitada, mas pode ser identificada precocemente e tratada com rapidez para garantir mais qualidade de vida ao paciente.

 

*Flávia Merschmann  & Natália Ceará  – Psicólogas – Bem Viver + (www.bemvivermais.com)

 

*Flávia Merschmann é Psicóloga e terapeuta experiente, em constante aprimoramento teórico e com participação ativa em Grupos de Estudos, Simpósios e Congressos. Preparada para tratar depressão, ansiedade, síndrome do pânico, transtornos de aprendizagem e conflitos em geral. Atua também como palestrante, instrutora de treinamentos e workshops. Graduada em Psicologia pela The University of Tampa (Tampa, FL, USA) desde 2012. Áreas em que já atuou: Clinica; Escolar; Hospitalar e Recursos Humanos (R&S).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here