A saúde dos idosos durante o outono

0
464

Para quem cuida de idosos, todas as estações requerem um cuidado constante e no outono não é diferente: é o começo da temporada de temperaturas mais frias, mas com alguns dias quentes.

Isso significa maiores cuidados ao idoso na hidratação, alimentação, nas atividades físicas e nos deslocamentos.

Muitos idosos são independentes e isso é ótimo, no entanto, nem por isso algumas questões podem ser postas de lado.

Esse é o momento ideal para repensar algumas práticas, optar por uma alimentação mais suave e inserir novos estilos de vida.

Essa seleção foi pensada tanto para idosos independentes quanto para aqueles que tem alguma dificuldade em se movimentar ou agir sozinhos.

Baixas temperaturas

Com a chegada do outono, a temperatura ambiente começa a cair: são dias de ventos e noites mais frias. Na terceira idade, muitas pessoas não tem o mesmo vigor do passado e as baixas temperaturas podem fazer com que se sintam mais cansadas, mais desmotivadas. A sensação de frio pode se tornar ainda maior, fazendo com que o idoso se sinta deprimido, portanto, a melhor estratégia é manter-se protegido, agasalhado e evitando deslocamentos à noite.

Hidratação

A desidratação é uma das causas mais comuns de internação dos idosos nesse período, por mais incrível que se possa parecer. Com as temperaturas mais baixas, os idosos não conseguem sentir muita sede e os familiares muitas vezes podem não perceber isso. É muito importante que as pessoas da terceira idade se mantenham hidratadas, através de sucos naturais elaborados com frutas cítricas e da estação, chás gelados e principalmente, água. Nosso corpo é constituído de 70 a 75% de água, com o passar do tempo, nosso corpo passa a ter certa dificuldade de absorver os nutrientes e daí a necessidade de se consumir mais líquidos para repor o que foi absorvido, evitando assim confusões mentais, desgastes físicos e a sonolência diurna frequente nessa idade.

Alimentação

Uma alimentação balanceada, integrando proteínas e carboidratos, é essencial para os idosos. Ela deve ser preparada e consumida no mesmo dia, com atenção especial às quantidades. A alimentação deverá ser oferecida ao idoso em pelo menos 6 vezes ao dia: café da manhã, colação (aquele suquinho), almoço, lanche, jantar e ceia. A consultoria com uma nutricionista poderá ser de grande ajuda nesse momento.

Alergias

Outro aspecto que requer muita atenção nesse momento são as alergias e doenças respiratórias que ocorrem nesse período. Isso afeta não apenas aos idosos, mas às crianças. Pólen, rinites, sinusites, bronquites e asma são frequentes nessa estação. A gente não deve se esquecer que estamos sob isolamento por conta do coronavírus, portanto, toda medida de proteção ainda é pouco. Manter a casa arejada, limpa e organizada pode contribuir muito para a saúde respiratória de nossos idosos. Em caso de crises constantes, procure atendimento médico.

Exercícios físicos leves

A gente sabe que a mobilidade da terceira idade, sobretudo dos vovôs e vovós não é muito grande. As dores nas articulações, bem como o desânimo é decorrente de pouca ou nenhuma atividade física. E, com o passar dos anos nessa mesma situação, há o aumento de peso e as comorbidades relativas tanto ao envelhecimento quanto a obesidade e doenças crônicas. Fazer exercícios leves como pequenas

caminhadas, exercícios de alongamento dos braços e pernas e algumas atividades físicas como hidroginástica podem contribuir bastante para manter o bem-estar geral dos idosos.

Convívio familiar e religioso.

A família e a religião são dois fatores essenciais na vida dos idosos: a família é seu legado, o que eles deixam para posteridade e a religião, um religamento com suas esperanças e consolações. O convívio familiar é uma excelente oportunidade para estreitar os laços de amor entre os membros, em momentos divertidos, entre histórias e lembranças. O convívio religioso, mais do que uma forma de se conectar à Deus, é um momento de gratidão à vida e de manter as esperanças num futuro melhor, interagindo com outros idosos, o que torna a vida mais leve.

Viagens e passeios

O momento também é muito positivo para pensar numa próxima viagem. A escolha de um pacote nacional, para algum lugar próximo de casa, com boas acomodações e acessibilidade devem ser algumas das preocupações. Opte por lugares com temperaturas mais quentes, ricos em natureza e amplos espaços planos para caminhar. Para viagens em família ou com os amigos se não esqueça de aproveitar cada momento, dentro das suas possibilidades.

O Hurb valoriza o que é importante: Você. Conheça nossos pacotes e viva mais histórias.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here